Outros

Com linha diversificada, Poker celebra crescimento em 2020

por Redação
A
A

Conhecida no mercado pela fabricação de luvas e equipamentos para goleiros, a Poker realiza nesta segunda-feira (3) seu II Encontro Nacional de Vendas, em que a diretoria da empresa apresentará os primeiros resultados obtidos pela marca com a diversificação do portifólio de produtos.

Desde o ano passado que a Poker passou a oferecer também produtos para a prática de esportes individuais, com destaque para o ciclismo e treinos.

O evento que reunirá os vendedores da marca será feito de maneira virtual. Nele, os irmãos Cauduro, donos da empresa, anunciarão uma expectativa de crescimento aproximado de 34% em 2021.

Segundo Rogério Cauduro, diretor de marketing da Poker, os canais virtuais passaram a ser usados de forma otimizada pela empresa, que deverá fazer de forma híbrida os encontros com o time de vendas. O executivo acredita que, em abril, a empresa deve apresentar crescimento próximo dos 20%.

“Temos, bem claro, que nada mais será como antes. Em primeiro lugar, acredito que o comportamento para a prática esportiva terá impacto. Muitas pessoas experimentaram novos esportes como corrida e bike, e, ao descobrir estes esportes, os manterá como alternativa. Mas também, este mesmo atleta, saudoso do esporte coletivo ou daquele individual que praticava antes, terá mais variação. Assim, teremos um comportamento com sensível alteração na concentração que era de futebol. Aliás um fenômeno que já vinha acontecendo e que a pandemia só acelerou”, disse Rogério.

publicidade
Equipamentos para a prática do ciclismo passaram a fazer parte da linha Poker em 2020
Divulgação
Equipamentos para a prática do ciclismo passaram a fazer parte da linha Poker em 2020
publicidade

Para o executivo, o atleta amador deverá ajudar a impulsionar a venda de produtos com melhor relação de custo-benefício, uma das apostas da Poker para se diferenciar nesses dois novos mercados (corrida e bicicleta).

“Estamos entendendo que o atleta buscará ainda mais custo-benefício. Ou seja, buscará produtos que atendam às suas necessidades e que tenham um preço justo, pois a pandemia também deixa ensinamentos no sentido de não desperdiçar e manter as coisas boas, mas que não tenham preços fora da realidade. Para mim, é um fato que fez muita gente se despertar às marcas que tratam esta relação de custo-benefício muito a sério. A Poker é um exemplo neste sentido”, completou.

Para Frêdi Cauduro, diretor de pesquisa e desenvolvimento da Poker, a empresa deverá seguir pela linha de investimento nos esportes individuais. Para ele, os exercícios funcionais passam a ser uma das apostas este ano e para 2022.

“Os produtos de esportes individuais terão um grande destaque. Os investimentos nessa linha, como bike, linha de equipamentos funcionais, corrida e caminhada. Essas atividades têm muito potencial de venda para 2021 e 2022. Também haverá uma ênfase na linha de exercícios funcionais, como bolas de pilates, cintas elásticas, extensores de braços e pernas. Essa linha tem sido um diferencial de crescimento para a nossa marca”, disse o executivo.

publicidade