Outros

Após invasão a congresso, PGA cancela torneio em campo de Trump

por Redação
A
A

Com o turbulento fim de mandato de Donald Trump nos Estados Unidos, a PGA, associação de golfe, resolveu cortar relações com o político. No fim de semana, a entidade votou para tirar um torneio do campo que pertence ao presidente americano, em New Jersey.

Em uma entrevista à agência Associated Press, o CEO da PGA, Seth Waugh, afirmou a saída do campo foi a única maneira encontrada para proteger a marca da entidade. “O que mais importa para nosso conselho e liderança é proteger nossa marca e reputação, e a capacidade de nossos membros liderarem o crescimento do jogo”, afirmou.

publicidade
Complexo de golfe do Trump em New Jersey (Foto: Divulgação)
Complexo de golfe do Trump em New Jersey (Foto: Divulgação)
publicidade

O acordo com o campo de New Jersey, chamado de Trump National, foi assinado em 2014. Mas essa não foi a primeira vez que o presidente americano perde um acordo com a PGA por conta de suas polêmicas.

Em 2015, o Grand Slam no Trump National Los Angeles Golf Club foi cancelado após Donald Trump soltar comentários preconceituosos contra mexicanos. Na época, ele ainda não era presidente dos Estados Unidos.

Agora, a PGA começa o trabalho para achar uma nova sede para o torneio em New Jersey. Segundo Waugh, há diversas opções na região.

publicidade

Corinthians Feminino assina com a Vitasay50+ para a Copa Libertadores