Opinião

Opinião: Conteúdo faz Conmebol ganhar 6 milhões de seguidores

por André Stepan - Especial para a Máquina do Esporte
A
A

Assim como diversas competições, por conta da pandemia a Conmebol Libertadores viveu um ano atípico. Iinterrompido em março e retomado apenas em setembro, o torneio está na reta final e viverá as semifinais e a grande decisão em 2021. Mesmo antes do fim, a Copa já tem o que comemorar: a consolidação da geração de conteúdo de qualidade.

No difícil período sem jogos, com muita criatividade e mais de 15 mil posts, a Libertadores viu a base de fãs nas redes sociais aumentar consideravelmente: foram 1.264.075 novos seguidores. Ao longo de todo ano, com quase 60 mil publicações, o número é mais de quatro vezes maior e chega a 5.346.895 novos seguidores! Neste caso, a quantidade é reflexo direto da qualidade.

Entre outras ótimas produções ao longo do ano, a Conmebol oteve a segunda colocação na categoria Longa Metragem do Cinefoot, o Festival de Cinema do Futebol, com “A Glória Eterna”. O documentário dirigido por Ricardo Taves e Adriano Esteves retratou de forma única o título do Flamengo em 2019 e trouxe ao torcedor seis capítulos. Nas redes sociais, somou 4,2 milhões de views e um alcance de 17,8 milhões de pessoas. Na TV, foi exibido em 43 países dos cinco continentes.

publicidade

“É um processo em escala de toda a Conmebol, a evolução de seus torneios de maneira completa. Isso se destacou no ambiente digital com a renovação do discurso para todo continente, a entrada no Brasil e a comunicação em português, além de colocar em prática nosso principal objetivo na área: produzir conteúdo de qualidade. Dessa forma, o torcedor passou a viver com a competição como nunca antes, 24 horas por dia, sete dias por semana”, comentou Fred Nantes, diretor de competições de clubes da entidade sul-americana.

A quantidade e a qualidade não só aproxima ainda mais a Libertadores do grande público, como já tornou ainda melhor a relação do torneio com patrocinadores. A Copa já faz e publica branded content para Qatar Airways, Amstel, Santander, Bridgestone, Rexona, Ford, Mastercard, EA Esports, Gatorade e Betfair; e em breve pretende fazer novas fontes de receita do conteúdo digital.

O ano de 2020 está chegando ao fim, a Libertadores já tem o que comemorar na área de conteúdo, mas os torcedores de Palmeiras, Santos, River Plate e Racing ou Boca Juniors ainda podem esperar muito mais para as semifinais e a grande decisão. É o que Fred Nantes promete para as próximas semanas.

“A reta final envolve sempre grandes jogos e muitos sentimentos, dessa vez não será diferente. A qualidade de produção seguirá alta e de maneira reinventada, pois nossos protocolos de saúde são a prioridade nesse momento. Contudo, os torcedores podem esperar produções envolventes, com todo o sentimento que o futebol sul-americano projeta em nós”, finalizou Fred.

publicidade
Cartaz para o documentário "A Glória Eterna", lançado pela Conmebol para celebrar o título do Flamengo na Libertadores de 2019
Reprodução
Cartaz para o documentário "A Glória Eterna", lançado pela Conmebol para celebrar o título do Flamengo na Libertadores de 2019
publicidade