Futebol

Multimarcas cria consórcio para torcedores do Atlético

por Duda Lopes
A
A
O atacante Keno, com a camisa do Atlético-MG e o patrocínio da Multimarcas
Divulgação/Atlético-MG
O atacante Keno, com a camisa do Atlético-MG e o patrocínio da Multimarcas
publicidade

A empresa de consórcios Multimarcas e o Atlético Mineiro anunciarão nesta quinta-feira (25) o “Consórcio da Massa”, produto voltado aos torcedores do time, com vantagens de preço e com prêmios relacionados à equipe.

Com o uso da marca do clube na comunicação, os 12 primeiros que aderirem o produto ganharão uma camisa oficial da equipe. O 13º terá o artigo autografado. Estão planejadas também ações em estádio e no Centro de Treinamento da equipe, mas elas dependerão da situação da pandemia para serem realizadas.

A ativação entrará como um licenciado do Atlético. Agora, o clube ganha uma cota fixa pelo patrocínio na camisa, além de uma porcentagem de cada adesão de torcedor. A Multimarcas Consórcios é patrocinadora do clube desde 2020.

LEIA MAIS: Clubes precisam ser mais abertos a parcerias com marcas, afirma Duda Lopes

Em conversa com a Máquina do Esporte, o diretor de marketing da empresa, Fernando Lamounier, contou que o plano é fazer um teste com o Atlético. O primeiro lote de consórcio ficará limitado a 480 cotas. Após as primeiras vendas, a companhia deverá avaliar a viabilidade de ampliação da ativação, inclusive para outros times patrocinados. Hoje, Avaí, Sport e Paysandu contam com o aporte da Multimarcas.

publicidade

“Entramos no futebol com o patrocínio ao Flamengo, em 2019, com o plano de consolidar a marca e ampliar a presença nacional. Agora, queremos reverter esse investimento em receita, em vendas. E contamos com uma parceria com o Atlético em que todos ganham”, comentou o executivo.

Além do produto especial para o Atlético, a empresa irá usar os canais de comunicação do clube para tentar reverter o principal problema enfrentado pela companhia durante a pandemia: a inadimplência. O plano é contar com as redes sociais e a influência dos jogadores para explicar como funciona um consórcio, seja para compra de veículos ou imóveis.

A ativação passa a ser um modo mais eficiente para a empresa usar o esporte, sem depender apenas da exposição da marca nos uniformes. No Atlético Mineiro, a Multimarcas tem o logotipo colocado na região dos ombros da camisa do time. Segundo Lamounier, no entanto, esse segundo passo não é simples dentro do futebol.

“O retorno da exposição não é do jeito que a gente gostaria, mas é a maneira que nós temos de entrar em um clube. É como um pedágio, e um pedágio caro. Mas eu topo pagar para estar lá e, depois, ter uma plataforma de ativação”, explicou.

publicidade