Futebol

Jogadores do Liverpool se posicionam contra criação de Superliga

A
A
Jordan Henderson, capitão do Liverpool, pronunciou-se em nome dos atletas contra a Superliga
Divulgação
Jordan Henderson, capitão do Liverpool, pronunciou-se em nome dos atletas contra a Superliga
publicidade

Em meio a uma movimentação que deve sepultar os planos da criação da Superliga de clubes europeus, o capitão do Liverpool, Jordan Henderson, usou seus perfis nas redes sociais para dizer que os jogadores do clube, um dos 12 fundadores da entidade, são contra a criação de um grupo fechado de times comandando uma competição.

“Nós não gostamos disso e não queremos que aconteça (a Superliga). Essa é nossa posição coletiva. Nosso compromisso com esse clube de futebol e seus torcedores é absoluto e incondicional. Nós nunca estaremos sozinhos”, diz o breve comunicado divulgado pelo jogador.

O posicionamento dos atletas do Liverpool corrobora o do treinador do time, Jurgen Klopp, que foi o primeiro técnico de futebol de um dos 12 fundadores a se posicionar contra a Superliga. Nesta terça-feira (20), Pep Guardiola, treinador do Manchester City, também disse que era contrário ao projeto.

publicidade