Futebol

Globo X Turner: Cuiabá decidirá mudança em 2021

por Redação
A
A

A disputa entre Globo e Turner ganhará um novo capítulo neste ano. Finalizado o Campeonato Brasileiro, as duas emissoras mais uma vez se dividirão entre os clubes contratados para planejar a transmissão da próxima edição. E, em 2021, haverá uma equipe que poderá levar mudanças a essa bifurcação de jogos.

Novato na Série A, o Cuiabá ainda não tem acordo com as emissoras para a disputa de 2021. Assim como aconteceu com o Red Bull Bragantino em 2020, a equipe do centro-oeste deverá esperar para definir o parceiro de mídia.

publicidade
Cuiabá ainda não tem parceiro de mídia para o Brasileirão de 2021 (Foto: Reprodução/Facebook)
Cuiabá ainda não tem parceiro de mídia para o Brasileirão de 2021 (Foto: Reprodução/Facebook)
publicidade

E o Cuiabá poderá definir se a Turner terá o mesmo número de jogos ou se perderá uma equipe na disputa da temporada 2021.

Em teoria, a emissora perdeu uma equipe e ganhou outra. Se, por um lado, o Coritiba foi rebaixado à Serie B, o Juventude, que também tem acordo com a Turner, subiu para substituir o rival do sul brasileiro.

O problema é o Internacional. Nas renegociações dos clubes com a Turner no ano passado, as equipes se acertaram para manter o acordo original, válido até 2024. A exceção foi a equipe de Porto Alegre, que ficou com acordo válido apenas até o fim de temporada 2020. Em 2021, o Inter volta ao Sportv.

Dessa maneira, por enquanto, a Turner terá em 2021 os direitos de Palmeiras, Bahia, Athletico-PR, Fortaleza, Ceará, Santos e, agora, Juventude.

Neste mês, a Warner Media, grupo que mantém a Turner, apresentou oficialmente a TNT Sports como marca para substituir o Esporte Interativo. A carência de eventos ao vivo, no entanto, foi usada como justificativa para não ter um canal fixo na grade. Caso não feche com o Cuiabá, a emissora perderá mais datas para este ano.

publicidade

BRB patrocina e criará cartão de crédito da Stock Car