Futebol

Globo tira narradora Renata Silveira da Disney

por Redação
A
A

A Globo segue ampliando a presença de mulheres em sua cobertura esportiva. A emissora acaba de anunciar a contratação de Renata Silveira, que será a primeira narradora fixa da história da emissora. A narradora estava nos canais Disney (ESPN e Fox Sports) e foi anunciada nesta segunda-feira pela Globo.

Na noite de domingo, Renata transmitiu a final do Brasileirão feminino entre Corinthians e Avaí/Kindermann na ESPN, no que foi sua última participação na empresa. Ela começa na Globo em janeiro de 2021. Segundo apurou a Máquina do Esporte, a Disney chegou a fazer uma contraproposta para manter Renata na emissora, mas ela acabou aceitando a oferta da Globo, já que há a possibilidade de ela transmitir jogos na TV aberta também. 

Com a chegada de Renata, pela primeira vez poderá ser formada uma equipe exclusiva de mulheres nas transmissões, já que a empresa contava com as comentaristas Ana Thaís Matos e Renata Mendonça e com a comentarista de arbitragem Nadine Basttos, com quem trabalhou no Fox Sports.

publicidade

"Estou muito feliz com tudo que está acontecendo comigo em tão pouco tempo de carreira. Chegar ao Esporte da Globo é a realização de um sonho. Uma mulher narrando ainda é uma novidade, por isso minha responsabilidade é muito grande. Vou continuar estudando bastante, como sempre fiz, para fazer o melhor em todas as oportunidades", afirmou em comunicado Renata.

Cada vez mais as emissoras têm investido em mulheres nas equipes de transmissão. A Band já havia formado um time só de mulheres para comentar as transmissões do futebol feminino. Outras empresas, como a Cultura, também tem usado equipe 100% feminina para a transmissão de jogos do futebol feminino. Já tem alguns anos que a Fox Sports havia investido em mulheres, inclusive com Renata Silveira, que foi a primeira mulher a narrar uma final de Copa do Mundo, em 2018. Antes, em 2014, ela havia narrado Uruguai x Costa Rica pela Rádio Globo do Rio de Janeiro.

"Acho que essa é a parte mais bonita da profissão. Estamos quebrando várias barreiras e desbravando muitas coisas. Ser uma das primeiras a fazer isso, mostrar que é possível, é muito legal. Confesso que não sabia o tamanho real deste papel. Hoje, a ficha vai caindo aos poucos e poder servir de inspiração para outras mulheres é o mais bacana de tudo isso", completou Renata.

Procurado, o grupo Disney respondeu em nota.

"Nosso pilar de esportes está passando por um processo de transformação para oferecer um conteúdo ainda mais variado e qualificado para a audiência do Brasil. A reformulação faz parte do planejamento da Companhia que seguirá investindo em sua programação esportiva, contando com um extenso portfólio de direitos, além de uma equipe de jornalismo referência junto aos fãs de esportes".

publicidade
Renata Silveira recebeu proposta da Globo e deixou canais Disney após dois anos (Foto: Divulgação/Fox Sports)
Renata Silveira recebeu proposta da Globo e deixou canais Disney após dois anos (Foto: Divulgação/Fox Sports)
publicidade