Futebol

Em novo calendário de 2021, CBF antecipa times na Copa do Brasil

por Redação
A
A

A CBF apresentou, na quarta-feira (11), o novo calendário do futebol brasileiro para a próxima temporada. A maior alteração está na Copa do Brasil, que terá um clube a mais e uma fase a menos. E, mais importante, terá o grupo de equipes participantes da Libertadores mais cedo na competição.


Atualmente, 12 clubes têm direito a entrar diretamente nas oitavas de final da Copa do Brasil. São os participantes da Libertadores e alguns campeões de torneios nacionais. Agora, essas equipes entrarão na terceira fase do torneio, que contará com sete etapas no total. Serão 92 participantes dentro da competição.

publicidade
Em novo calendário de 2021, CBF antecipa times na Copa do Brasil
publicidade

Com a medida, os 12 clubes se juntarão a um grupo de 20 equipes que passarão pelas fases preliminares. Com os 32 clubes, o torneio entra na sua terceira fase. Isso fará com que esses clubes da Libertadores façam ao menos mais dois jogos no ano.


Outra mudança apresentada pela CBF foi a data da Supercopa do Brasil. A disputa, iniciada neste ano, faz o encontro entre o campeão brasileiro e o campeão da Copa do Brasil. A ideia é que o evento abrisse a temporada, mas, com o calendário tumultuado, ele será passado para o dia 11 de abril, com estaduais em andamento.


A temporada será iniciada uma semana depois do carnaval, com jogos pelos campeonatos estaduais no dia 28 de fevereiro. Ou seja, quatro dias após o encerramento do Brasileirão deste ano. Como previsto, as equipes não terão período de pré-temporada e terão que emendar os torneios disputados.


O calendário de 2021 será apertado por conta da pandemia do coronavírus neste ano, que suspendeu os jogos por quatro meses. Como solução, a temporada de 2020 teve que "invadir" o próximo ano para completar a tabela.

publicidade

Tiktok cria premiação para jogos da Copa do Nordeste