Futebol

Em ‘final’ com Flamengo, Globo tem pico de audiência

por Redação
A
A

O Flamengo venceu o Internacional no Maracanã, no domingo (21), assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro pela primeira vez, na penúltima rodada do torneio, e agora só depende de si para ser bicampeão nacional. O jogo-chave da disputa de 2020 não foi oficialmente uma final, mas teve importância parecida e, consequentemente, audiência na mesma altura.

No Rio de Janeiro, a partida entre cariocas e gaúchos chegou a 34 pontos de média, com participação de 58% das televisões ligadas. Esse foi o melhor índice do Campeonato Brasileiro desde a partida contra o Palmeiras, ainda no primeiro turno, do Brasileirão de 2019. Na ocasião, a equipe paulista aparecia como uma das candidatas ao título, mas o encontro não teve o tom decisivo desta semana.

publicidade
Com vitória, Flamengo ficou perto do bicampeonato (Foto: Alexandre Vidal / CRF)
Com vitória, Flamengo ficou perto do bicampeonato (Foto: Alexandre Vidal / CRF)
publicidade

Em Porto Alegre, o jogo teve 36 pontos de audiência, com 64% de participação das televisões ligadas. A partida poderia ter consagrado o Internacional como campeão brasileiro após 41 anos e, mesmo com o placar desfavorável, o Ibope marcou o maior índice do Brasileirão deste ano.

Onde a Globo não foi bem foi na cidade em que a emissora resolveu não passar o jogo entre Flamengo e Internacional. Para São Paulo, o canal escolheu o duelo entre Corinthians e Vasco, com remotas chances de classificação para a Libertadores por parte da equipe paulista. Resultado: 0 a 0 em campo, e apenas 20 pontos na audiência, com 38% de participação nas televisões ligadas.

publicidade