Futebol

Com pandemia em alta, Conmebol suspende jogos das Eliminatórias

por Redação
A
A

Com a situação descontrolada da pandemia no Brasil, a Conmebol anunciou neste sábado (6) a suspensão da rodada de março das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. A seleção brasileira enfrentaria a Colômbia, em Barranquilla, e a Argentina, em São Lourenço da Mata.

“A decisão obedece a impossibilidade de contar em tempo e forma com todos os jogadores sul-americanos. A Fifa analisará a reprogramação da rodada, em coordenação com a Conmebol e associações membro. Em breve serão estudadas diferentes opções para realização das partidas”, afirmou a Conmebol nas redes sociais.

publicidade
Brasil e Uruguai, em confronto pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 (Lucas Figueiredo/CBF)
Brasil e Uruguai, em confronto pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 (Lucas Figueiredo/CBF)
publicidade

A Fifa e a Conmebol tomaram a decisão após reunião entre as duas entidades, mas houve também pressão externa para que as partidas das Eliminatórias fossem adiadas. Na Inglaterra, os técnicos do Manchester City, Pep Guardiola, e do Liverpool, Jürgen Klopp, se manifestaram publicamente contra a ida de jogadores ao Brasil.

O Brasil, inclusive, está na lista de países em que visitantes precisam ficar em quarentena após aterrizar na Inglaterra, como forma de controle de contaminação da variante do Covid-19. A situação faria com que as equipes inglesas sofressem ainda mais com a ausência dos atletas.

A tendência é que as partidas sejam disputadas em setembro e outubro, a depender da situação do Covid-19 no país e da realização das rodadas seguintes das Eliminatórias. Por ora, a seleção brasileira lidera a competição, com quatro vitórias em quatro jogos.

publicidade