Futebol

CBF cria Supercopa do Brasil para futebol feminino

por Redação
A
A

A CBF anunciou nesta segunda-feira (22) o lançamento da Supercopa do Brasil de Futebol Feminino. A competição ajudará a preencher o calendário da modalidade e reunirá equipes das duas principais divisões do esporte no país.

Serão oito equipes entre as mais bem classificadas no Brasileiro Feminino A-1 e A-2 de 2021. A Supercopa do Brasil será realizada entre os meses de fevereiro de março de 2022.

publicidade
Competição terá apenas uma equipe por Estado (Foto: Thais Magalhães/CBF)
Competição terá apenas uma equipe por Estado (Foto: Thais Magalhães/CBF)
publicidade

Em nota no site da CBF, o presidente da entidade, Rogério Caboclo, declarou que o desenvolvimento do futebol feminino é prioridade em sua gestão. “Com a criação da Supercopa do Brasil, atendemos à constante demanda por um calendário cada vez mais encorpado para nossos clubes. Esse é um dos grandes desafios no desenvolvimento da modalidade”, afirmou.

As oito equipes disputarão um torneio eliminatório. Será permitida apenas uma equipe por Estado. Elas serão selecionadas entre as 12 mais bem classificadas da Séria A1 e as quatro melhores da Série A2.

“Nosso objetivo é uma competição emocionante, que premie as equipes com melhor desempenho no Campeonato Brasileiro. Dessa forma também suprimos uma lacuna no calendário, dando às jogadoras a oportunidade de iniciar mais cedo a temporada e aos clubes a chance de começarem o ano disputando um título nacional. Além disso, o formato mata-mata também é muito importante para o desenvolvimento físico e emocional das atletas”, explicou a coordenadora de competições femininas da CBF, Aline Pellegrino.

publicidade