A multinacional francesa Veolia, especializada no fornecimento e gestão de águas, gestão de resíduos, energia e serviços de transportes, não será mais patrocinadora máster do Lyon. A marca anunciou, nesta segunda-feira (8), que mudará o contrato que possui com o clube francês desde a temporada 2011/2012, quando começou a estampar o espaço mais nobre da camisa da equipe nas competições europeias. Até a atual temporada, quem detinha a propriedade nos torneios nacionais era a montadora Hyundai, que será substituída pela companhia aérea Emirates a partir da temporada 2020/2021.

Pelo novo contrato, a Veolia sairá do peito da camisa do time masculino para as mangas da camisa da equipe feminina do Lyon em um contrato com validade até o final da temporada 2021/2022. Durante o mesmo período, a marca ainda será "parceira ambiental" do clube e trabalhará no desenvolvimento de estratégias de conservação de recursos, ecodesign, reutilização de materiais e reciclagem, sempre lado a lado com a equipe francesa.

Foto: Reprodução / Twitter (@OL)

Entre as primeiras iniciativas do acordo, haverá o desenvolvimento de uma estratégia de redução de carbono para ajudar no combate ao efeito estufa. Além disso, será criada uma nova camisa de treinamento feita inteiramente de material reciclado, que se tornará parte da gama de produtos oferecidos na loja do clube a partir da temporada 2020/2021. Por último, os jogadores do clube (masculino, feminino e categorias de base) receberão garrafas de água individuais feitas de material reciclado que substituirá as garrafas de plástico descartáveis.

As iniciativas ainda incluirão jogos para aumentar a conscientização sobre o meio ambiente no aplicativo do clube e campanhas publicitárias para incentivar os torcedores a adotar um comportamento mais responsável na classificação de resíduos e na conservação de água e energia. Segundo o Lyon, a "parceria ambiental" com tantas ramificações é uma das primeiras do futebol mundial.

Apesar do time masculino do Lyon ser mais conhecido dos brasileiros por conta de passagens de jogadores como Juninho Pernambucano (considerado por muitos torcedores como o maior ídolo da história do clube), Edmilson, Cris e Sonny Anderson, o time feminino possui um currículo bem mais recheado. Enquanto o masculino venceu sete vezes o Campeonato Francês, o feminino conquistou o mesmo título nos últimos 14 anos e ainda possui seis títulos da Champions League, sendo, inclusive, o atual tetracampeão da competição.

O patrocínio ao time feminino também terá como meta a colocação em prática de valores de igualdade e inclusão, que já eram promovidos pelo clube. A partir da próxima temporada, a Veolia dará nome ao "Centro de Emprego Corporativo", projeto em parceria com o Escritório Nacional de Emprego da França e a organização sem fins lucrativos Nes & Cité, que visa garantir a igualdade de oportunidades de emprego entre homens e mulheres.


Notícia Lyon Veolia patrocínio marketing contrato mudança masculino feminino máster mangas estratégia gestão parceria ambiental