Em outubro do ano passado, a liga de futebol feminino dos Estados Unidos (NWSL) confirmou a entrada de uma franquia de Louisville na competição a partir de 2021. O novo time será o 10º a fazer parte do torneio e, nesta quarta-feira (8), teve seu nome rebatizado para Racing Louisville FC.

Nos últimos meses, o time vinha sendo chamado de Proof Louisville FC, em homenagem à indústria de Bourbon que há na cidade, localizada no estado do Kentucky. No entanto, os habitantes não gostaram da nomenclatura e incentivaram uma mudança. Foi assim que surgiu o nome Racing, nome utilizado por clubes de futebol que são próximos de pistas de automóveis, cavalos e ciclismo. Um exemplo é o Racing Santander, da Espanha.

Como Louisville é bastante conhecida pelas corridas de cavalos, inclusive por ser sede da pista de corridas Churchill Downs e do icônico Kentucky Derby, ficou decidido que o nome Racing Louisville FC teria uma aceitação melhor. Além do nome, também foi revelado o novo escudo da equipe, que combina uma flor de lis com as cores violeta e lavanda.  

Foto: Reprodução / Twitter (@lynnfmlystadium)

"Estamos muito empolgados em lançar nossa marca, que serve como um primeiro passo para dar vida à nossa equipe", disse James O’Connor, vice-presidente executivo de desenvolvimento da Soccer Holdings, empresa que dirige o novo time.

"A paleta de cores e os principais elementos do escudo permitem oportunidades criativas de merchandising que esperamos que nossos torcedores gostem", acrescentou Brad Estes, presidente da Soccer Holdings.

O time de futebol feminino de Louisville mandará seus jogos no Lynn Family Stadium, estádio para 15 mil pessoas que será inaugurado neste final de semana, com a volta da United Soccer League (USL), torneio masculino que serve como uma espécie de segunda divisão e uma liga de desenvolvimento para a Major League Soccer (MLS). Isso porque a Soccer Holdings também é responsável pela gestão do Louisville City FC, que atua na USL.


Notícia Racing Louisville FC NWSL futebol feminino gestão mercado estratégia marketing