A Premier League divulgou, nesta quinta-feira (28), que o torneio deverá ser reiniciado no dia 17 de junho e terá as 92 partidas restantes da temporada 2019/2020 com portões fechados. A data só será modificada se algum dos requisitos de segurança necessários para a saúde e o bem-estar dos jogadores não for cumprido até lá pelos clubes.

Segundo a Premier League, a retomada será feita com dois jogos que haviam sido adiados de rodadas anteriores: Aston Villa x Sheffield United e Arsenal x Manchester City. A partir do dia 19 de junho, haverá rodadas completas, com jogos programados para todos os dias da semana: 20h (sexta-feira); 12h30, 15h, 17h30 e 20h (sábado); 12h, 14h, 16h30 e 19h (domingo); 20h (segunda-feira); e 18h e 20h (terça, quarta e quinta-feira).

Foto: Reprodução / Site (premierleague.com)

Como a torcida não poderá comparecer aos estádios, os 92 jogos terão transmissão pela televisão e/ou pelo streaming. Sky Sports, BT Sport, BBC Sport e Amazon Prime Video serão os responsáveis por levar os jogos aos fãs. A retomada ainda contará com um fato histórico: será a primeira vez que a BBC exibirá jogos da Premier League ao vivo. A emissora transmitirá quatro partidas por rodada, totalizando 36 jogos.

"A Premier League e nossos clubes têm orgulho de ter torcedores incrivelmente apaixonados e leais. Infelizmente, os jogos terão que acontecer sem torcedores nos estádios, por isso estamos satisfeitos por ter encontrado uma solução positiva para que os torcedores possam assistir aos 92 jogos restantes. É importante garantir que o maior número possível de pessoas possa assistir aos jogos em casa", destacou Richard Masters, CEO da liga inglesa.

Com a data de retorno da Premier League confirmada, assim como a da Serie A (Itália), que também anunciou nesta quinta-feira (28) que voltará em 20 de junho, as principais ligas europeias já têm seus destinos definidos. A Bundesliga (Alemanha) já foi retomada em 16 de maio, enquanto a Primeira Liga (Portugal) retornará em 3 de junho e a LaLiga (Espanha) em 11 de junho. A Ligue 1 (França) e a Eredivisie (Holanda) tiveram suas temporadas suspensas definitivamente.


Notícia Premier League Inglaterra retomada calendário gestão estratégia mercado pandemia coronavírus