O Campeonato Português, também conhecido como Primeira Liga NOS, voltou às atividades nesta quarta-feira (3). Com a intenção de homenagear todos os profissionais que atuam na "linha de frente" no combate ao Covid-19, o Porto decidiu realizar uma ação usando as próprias camisas do clube em parceria com a marca de cerveja portuguesa Super Bock, que estampa as costas do uniforme do time.

Antes de entrar em campo diante do Famalicão, os jogadores do Porto escreveram à mão os próprios nomes uns nas camisas dos outros. A atitude foi tomada em virtude do que os médicos, enfermeiros e demais profissionais da saúde vêm fazendo nos hospitais para facilitar a identificação entre eles já que todos estão usando máscaras e diversos outros equipamentos de proteção individual.

Além disso, a Super Bock abraçou a ideia e autorizou que o nome da marca fosse trocado nas costas das camisas. Dessa forma, ao invés de Super Bock, os jogadores atuaram com a expressão "Super Doc", em alusão mais uma vez aos profissionais de saúde considerados heróis durante a pandemia do coronavírus.

Dentro de campo, a ação acabou não dando sorte. O Porto foi derrotado por 2 a 1, em jogo transmitido pela ESPN, e corre o risco de perder a liderança do torneio para o Benfica, que enfrenta o Tondela nesta quinta-feira (4), às 15h15, também com transmissão da ESPN. Assim como no caso da Bundesliga (Campeonato Alemão), a emissora dividirá as transmissões do Português com o Fox Sports por conta da fusão aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) no início do mês passado.

LEIA MAIS: Campeonato Português volta e será dividido entre ESPN e Fox

Foto: Reprodução / Twitter (@FCPorto)


Notícia Porto Campeonato Português Primeira Liga NOS Super Bock patrocínio homenagem ação linha de frente pandemia Covid-19