SporTV, ESPN e Fox Sports, as três principais emissoras esportivas de TV por assinatura do país divulgaram, nesta segunda-feira (16), algumas mudanças em suas programações por conta da pandemia do coronavírus. As alterações se dão, principalmente, pela quase total ausência de esporte ao vivo no mundo e também para evitar um número muito grande de funcionários em um mesmo local ao mesmo tempo.

Foto: Reprodução

No SporTV, a partir desta terça-feira (17), haverá a estreia de um novo programa no horário nobre, com o objetivo de comentar as atualidades do mundo do esporte. Chamado de "Faixa Especial", o programa terá apresentação de Gustavo Villani e irá ao ar de segunda a sexta-feira, às 19h30, com duas horas de duração. Nos finais de semana, a atração será comandada por Luiz Carlos Jr., das 17h30 às 19h30.

Além disso, a emissora terá uma faixa interativa todos os dias, das 16h às 18h, em que o público poderá escolher, por meio de uma enquete no site globoesporte.com, a partida que será reprisada no horário. Por último, às 21h30, a sessão "SporTV Clássicos" relembrará jogos históricos de diversos campeonatos, como Estaduais, Copa do Brasil e Brasileirão, em compactos com uma hora de duração. 

No SporTV 2, o foco será os esportes olímpicos, como basquete e vôlei, trazendo de volta jogos históricos da NBA, as últimas finais da Superliga de Vôlei e também das seleções feminina e masculina de vôlei. Já o SporTV 3 terá a faixa Combate ganhando versões diárias com lutas históricas e recentes do UFC e ainda reprises de grandes decisões do tênis mundial envolvendo jogadores como Gustavo Kuerten, Roger Federer, Rafael Nadal e Novak Djokovic.

Na ESPN, em um comunicado que enviou à imprensa, a emissora afirmou que as modificações "estão alinhadas às orientações do Ministério da Saúde para evitar a disseminação do coronavírus, reduzindo o número de horas ao vivo na programação". A empresa ainda falou em preservação da segurança e do bem-estar dos funcionários. 

Com as atualizações, a grade jornalística da ESPN Brasil passa a ser a seguinte:

- 14h às 15h: SportsCenter

- 15h às 17h: ESPN Debate

- 17h às 18h30: Compactos de jogos e programas especiais

- 18h30 às 20h: Futebol na Veia (com o Linha de Passe sendo exibido neste horário às segundas e sextas)

- 20h às 21h30: SportsCenter

Já no Fox Sports, a grade ao vivo ficará assim a partir desta terça-feira (17): 

- 10h: Bom Dia Fox 

- 11h45: Central Fox (primeira edição) 

- 12h45: Fox Sports Rádio 

- 17h15: Expediente Futebol 

- 20h: Central Fox (segunda edição) 

- 21h: Debate Final

Outra mudança ficou por conta da saída do apresentador Benjamin Back, que precisou se colocar em quarentena e ficará ausente dos programas que conduz por tempo indeterminado. A medida foi adotada pela emissora por precaução após a notícia do resultado positivo para Covid-19 em teste realizado por Jorge Jesus, técnico do Flamengo.

No último final de semana, o apresentador e o técnico estiveram reunidos em um jantar. Dessa forma, há o risco do apresentador ter contraído o coronavírus. De acordo com o Fox Sports, Benjamin Back não apresenta sintomas, mas também realizará o teste. Nesta segunda-feira (16), o programa Jogo Sagrado, que normalmente é apresentado por ele, teve Téo José como substituto.

No final da tarde desta terça-feira (17), a Turner divulgou que o programa De Placa, que vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 10h30, na TNT, passará a ser virtual. André Henning, Alê Oliveira, Bruno Formiga, Luiz Felipe Freitas, Mauro Beting, Taynah Espinoza e Vitor Sergio Rodrigues não estarão nos estúdios da Turner, com o programa sendo feito de forma remota pela internet.


Notícia Coronavírus Covid-19 pandemia televisão mídia SporTV ESPN Fox Sports programação alteração mercado