arquivo

Onda do Bem: Tubaço em Ubatuba!

por Ivan Martinho - Especial para a Máquina do Esporte*
A
A

Dias atrás aqui nesse mesmo espaço que a Máquina nos abriu, escrevi sobre nossos desafios e planejamento para executar o único evento de Surfe do ano na América Latina pós-pandemia.

publicidade
publicidade

Queríamos algo especial, que celebrasse nossa modalidade em grande estilo, reunisse os maiores atletas brasileiros da atualidade, os "Legends" que inspiraram o "Brazilian Storm", os que já ganham competições Júnior e prometem ser nossos ídolos nacionais do futuro e também convidados famosos mais do que especiais que, assim como nós, fossem apaixonados por ondas!

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

Paineis de LED foram uma das novidades trazidas para o Onda do Bem - Foto: Divulgação/WSL

publicidade
publicidade

O evento acabou há minutos, estou aqui pensando quantas e quantas variáveis eu e minha equipe avaliamos nessas últimas dez semanas, se você está lendo, te convido a refletir se apostaria em fazer o evento ou não:

publicidade

Precisaríamos conciliar a agenda dos atletas, encontrar espaço na agenda das celebridades, escolher uma cidade que aceitasse o desafio conosco de fechar a praia ao público, que tivesse consistência de ondas já que não teríamos janela de espera, testar todos os competidores e staff no COVID-19, torcer pra ninguém testar positivo (nada menos do que 130 pessoas), criar planos A, B, C e D para recompor as equipes caso alguém testasse positivo, conseguir o resultado dos exames em tempo recorde, alterar o modus operandi do hotel que iria nos hospedar, criar um protocolo de bolha, rezar pra não chover, fazer promessa para que não tivéssemos um mar muito agitado, encontrar luzes suficientes para iluminar o mar e a praia... Ufa... Será que esqueci de alguma coisa?

publicidade
publicidade

Ah! Esqueci sim! Já que era um "amistoso", com muito mais liberdade em comparação a uma etapa convencional do circuito, que tal aproveitar para testar inovações que podemos implementar mais tarde quando valer pro ranking?

publicidade
publicidade
publicidade

Ponte Estaiada iluminada em laranja - Foto: WSL

publicidade
publicidade

Quem viu, provavelmente se encantou com o inédito Surf noturno com pranchas de LED e já sabe o final dessa história que teve direito até à "cereja no bolo" de iluminarmos a Ponte Estaiada na cor do evento, além de dois drive-ins em São Paulo e Rio. Estamos aqui computando os números do sucesso que obtivemos de audiência e repercussão, participantes em clima de celebração, patrocinadores satisfeitos e a linda cidade de Ubatuba com sua imperdível Praia de Itamambuca orgulhosa por ter sido palco dessa edição histórica que promoveu o bem, divertiu, engajou e gerou fundos para ONG Projeto Ondas.

publicidade

Dizem que existem pessoas que tem mais sorte que juízo, não sei se esse foi o caso hoje, mas que então a sorte nos acompanhe sempre e siga fazendo o Surfe com seus campeões e campeãs uma paixão nacional, uma máquina geradora de novos fãs a cada minuto e motivo de orgulho para nós brasileiros nos mares e ondas dos quatro cantos do universo!

publicidade
publicidade

Aloha!

publicidade
publicidade

* Ivan Martinho é CEO da World Surf League para a América Latina 

publicidade
publicidade

Dani Alves participa de ação e vende automóvel autografado no Mercado Livre