arquivo

NBA cria fundo de US$ 300 milhões para comunidade negra

por Redação - São Paulo (SP)
A
A

Movimento contra racismo tem ganhado força na NBA (Foto: NBA.com)

publicidade
publicidade

A NBA anunciou a Fundação NBA, órgão da liga americana de basquete focada no combate à discriminação. E o primeiro movimento da iniciativa será focado nas comunidades negras dos Estados Unidos, com um investimento de US$ 300 milhões, mais de R$ 1,5 bilhão.

publicidade
publicidade

A fundação foi lançada em conjunto com a associação de jogadores da liga. Pelo acordo firmado, nos próximos 10 anos, cada uma das 30 franquias contribuirá com US$ 1 milhão por temporada. A entidade criada atuará em questões de educação e emprego ligadas às comunidades, além de trabalhar em projetos com parceiros da NBA.

publicidade
publicidade

“Todos os donos de equipes da NBA reconhecem nossa posição única de gerar mudanças. Estamos comprometidos em apoiar e capacitar jovens, homens e mulheres negras em cada um dos mercados de nossas equipes, bem como em comunidades nos EUA e no Canadá”, explicou Larry Tanenbaum, presidente do conselho da NBA e dono do Toronto Raptors.

publicidade
publicidade
publicidade

A criação da Fundação reforça o posicionamento de vários jogadores da NBA no movimento Black Lives Matter, que ganhou força neste ano após mais casos de violência policial nos Estados Unidos. Uma iniciativa mais enfática pela comunidade negra no país já havia sido uma promessa de Adam Silver, presidente da NBA.

publicidade

Crefisa divulga serviço de empréstimo na camisa do Palmeiras contra o Corinthians