A NBA anunciará nesta sexta-feira (30) as primeiras escolas e entidades no Brasil que receberão o projeto NBA Basketball School, que dará a licença da marca da liga de basquete dos Estados Unidos e toda a metodologia de ensino da instituição esportiva.

A liga resolveu se espalhar em escolas de diferentes perfis neste primeiro momento. Já são nove escolhidas, que vão do nobre Bandeirantes, de São Paulo, passando pela Academia de Esporte de Recife, Associação Atlético Caldense, de Poços de Caldas, e o Flamengo, do Rio de Janeiro. 

Foto: Divulgação

"Ficamos bastante impressionados com a receptividade do programa no mercado nacional. O NBA Basketball School teve uma aceitação importante junto a colégios, academias e clubes, de várias partes do país, incluindo Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Pernambuco, e notamos que essas instituições buscam oferecer não apenas a prática esportiva mas, principalmente, fortalecer os valores do esporte junto a esses jovens atletas", comentou o head da NBA no Brasil, Rodrigo Vicentini.

O NBA Basketball School foi anunciado para o país em setembro. O projeto faz parte do plano da liga americana de tornar o basquete e a disputa dos Estados Unidos mais populares no Brasil. A metodologia aplicada é pensada para jovens entre 9 e 17 anos e tem sido usada em outros países. 

Neste ano, o projeto já havia sido implementado em quatro cidades da Índia. No ano passado, o NBA Basketball School foi introduzido na Grécia e na Turquia.

Confira a lista de credenciados para promover a escola da liga no Brasil:

- Clube de Regatas do Flamengo (Rio de Janeiro-RJ)

- Associação Atlética Caldense (Poços de Caldas-MG)

- Colégio Bandeirantes (São Paulo-SP)

- Academia de Esportes (Recife-PE)

- Clube Continental (São Paulo-SP)

- Clube Atlético Ypiranga (São Paulo-SP)

- Colégio School Mark (São Bernardo do Campo-SP)

- Colégio Salesiano Santa Teresinha (São Paulo-SP)

- Academia Competition (São Paulo-SP)


Notícia NBA basquete escola estratégia crescimento marketing expansão ensino mercado