Nas últimas duas semanas, enquanto o futebol brasileiro ficou atordoado pela suspensão da temporada por conta da pandemia do coronavírus, a Federação Alagoana de Futebol (FAF) foi a única entidade a criar algo diferente para tentar dar algum tipo de entrega a patrocinadores e torcedores.

A FAF criou um torneio virtual de e-Sports com atletas que disputam o Campeonato Alagoano. Batizada de "Copa das Estrelas", o torneio caiu nas graças do torcedor e virou um motivo para a entidade já começar a planejar novos projetos.

LEIA MAIS: Por patrocinadores, futebol alagoano aposta no e-Sports

LEIA MAIS: 5 perguntas: Ricardo Lima, diretor comercial e marketing da FAF

"Os patrocinadores têm enviado mensagens positivas e de aceitação ao torneio digital. Não podíamos abandonar quem investe na maior competição do estado e já começamos a projetar mais ações para as próximas semanas. Além de a iniciativa aproximar os torcedores da federação, essa está sendo uma oportunidade de ter mais um produto dentro do mundo esportivo em Alagoas", disse Ricardo Lima, executivo comercial e de marketing da FAF, em entrevista à Máquina do Esporte.

Foto: Divulgação / FAF

Lima também contou que a ideia de fazer o torneio surgiu tão logo a diretoria da FAF decidiu que paralisaria as atividades do Campeonato Alagoano.

"Houve uma reunião dos departamentos de marketing e comunicação com a diretoria de competições, apresentando a ideia de uma campeonato digital com os atletas dos clubes ao diretor de marketing e comercial Alberto Bonfim, que enxergou a oportunidade de continuar ativando as marcas dos parceiros da Federação".

Os jogos do torneio virtual são transmitidos pelo canal da FAF no YouTube. Eles têm tido uma média de 1.500 visualizações cada um. A competição está na segunda fase. No próximo sábado (4), acontecerão as semifinais e, no domingo (5), a grande final.


Notícia Federação Alagoana de Futebol FAF PlayStation 4 PES YouTube e-Sports estratégia mercado patrocinadores mídia pandemia