Foto: Reprodução / Twitter (@TigerWoods)

O multicampeão e ex-número 1 do mundo Tiger Woods está de volta ao golfe profissional. O norte-americano disputará a partir desta quinta-feira (30) o Hero World Challenge, nas Bahamas. O evento, uma competição não oficial do PGA Tour que vale dinheiro e terá a participação de 18 atletas, é promovido pelo próprio Woods.

O retorno de um dos maiores golfistas da história se dá após mais um ano bastante turbulento na vida do atleta. Woods passou por uma cirurgia nas costas em abril deste ano e chegou a dizer que podia nunca mais praticar o esporte. Além disso, foi detido em maio por dirigir sob efeito de drogas e cumpre sentença de um ano de serviço comunitário desde o final do mês passado.

A última vez que o golfista esteve presente em uma competição foi em fevereiro, quando desistiu de disputar o Dubai Desert Classic justamente por conta de dores na região das costas. Nos últimos três anos, Woods passou por quatro cirurgias no local, o que o levou a sair e voltar ao circuito algumas vezes. Entre 2015 e 2016, o período mais longo fora do esporte chegou a ser de um ano e três meses.

“À medida que minhas costas foram melhorando, consegui voltar a dormir novamente sem a ajuda de remédios, não sinto mais desconforto nos nervos das minhas pernas e não tenho mais espasmos no resto do corpo. Sim, agora eu amo a vida”, disse o golfista.

No retorno, Woods não terá vida fácil. Quatro dos melhores do mundo na atualidade dividirão o campo com o ex-número 1: os também norte-americanos Justin Thomas, Jordan Spieth e Dustin Johnson, além do japonês Hideki Matsuyama.

“Eu não sei como estou, que força devo colocar na bola, que buracos jogo... Não sei o que o futuro reserva para mim para aprender a controlar esse ‘novo’ corpo”, afirmou.

Tiger Woods é considerado o segundo maior golfista da história. Entre tantos títulos na carreira, venceu 14 Majors, nome dado aos quatro principais torneios do mundo do golfe, e está atrás apenas do compatriota Jack Nicklaus, que obteve 18 conquistas.


Notícia Tiger Woods golfe retorno Majors costas