arquivo

Esporte abre espaço à mulher em celebrações por data

por Redação - São Paulo (SP)
A
A

Uma ação pré-jogo com torcedoras na rodada do Campeonato Paulista. Um trio de arbitragem de uma partida profissional de basquete masculino só com mulheres. Transmissões de futebol internacional feita por elas...

publicidade
publicidade

O esporte brasileiro deu espaço como nunca às mulheres em 2020 durante as celebrações do Dia Internacional da Mulher, neste último final de semana. Emissoras, entidades esportivas e patrocinadores decidiram usar a efeméride para colocar mais luz sobre a figura feminina dentro do ambiente esportivo.

publicidade
publicidade
publicidade

A ação mais expressiva aconteceu dentro do basquete. O NBB Caixa fez do jogo entre Pinheiros x Pato Basquete uma partida 100% feminina fora das quadras. O duelo realizado no clube paulista contou pela primeira vez na história do torneio com um trio de arbitragem formado apenas por mulheres. Além disso, a mesa de estatísticas foi 100% feminina. Na transmissão do jogo pelo Facebook do NBB, narradora, repórter e comentarista também eram mulheres, a exemplo do que ocorreu em 2019.

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

Foto: Reprodução / Twitter (@NBB)

publicidade

Quem também decidiu abrir espaço na transmissão de uma partida para elas foi o Fox Sports. O canal adotou narração e comentários de mulheres no jogo Mainz x Dusseldorf, válido pela Bundesliga (Campeonato Alemão). A iniciativa foi também um reforço do projeto "Narra quem sabe", ação feita em 2018 para contratar uma narradora que transmitisse jogos da Copa do Mundo pelos canais Fox Sports.

publicidade
publicidade
publicidade

No futebol brasileiro, uma parceria da Federação Paulista de Futebol (FPF) com a instituição financeira cooperativa de crédito Sicredi, dona dos naming rights do torneio, deu às torcedoras um protagonismo antes de cada uma das oito partidas da rodada deste final de semana, que se encerra na noite desta segunda-feira (9).

publicidade
publicidade

Em todos os jogos da 9ª rodada do Paulistão Sicredi 2020, os jogadores foram a campo acompanhados por mulheres, em vez das tradicionais crianças.

publicidade

Elas vestiam uma camisa na cor lilás, com a inscrição #OAPITOÉDELAS na parte frontal. Além disso, as 22 torcedoras que entraram com os times estavam com um apito e, após a execução do hino nacional, foram até o centro do gramado e fizeram um "apitaço". A escolha do artefato utilizado pelo árbitro foi também uma referência ao utensílio que é símbolo da luta da mulher contra o assédio.

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

A iniciativa reforça o novo posicionamento que a FPF adotou em relação às mulheres. No começo do Paulistão, a entidade lançou a campanha "Elas no Estádio", que procura incentivar a presença de mulheres nos jogos de futebol. O protagonismo, porém, veio apenas neste final de semana de celebração do Dia da Mulher.

publicidade
publicidade

Lenovo renova patrocínio do Prêmio eSports Brasil 2020