A ESPN divulgou, nesta quinta-feira (6), que o Super Bowl LIV, transmitido ao vivo no último domingo (2), obteve a maior audiência da história da emissora em uma final da NFL no Brasil. Durante a partida entre Kansas City Chiefs e San Francisco 49ers, o canal do grupo Disney foi líder na TV paga com uma audiência 26% maior do que o Super Bowl da temporada anterior. Números brutos não foram revelados.

LEIA MAIS: Super Bowl bate audiência de 102 milhões de pessoas nos EUA

LEIA MAIS: Análise: Super Bowl é evento inviável no Brasil

O sucesso se deu também no meio digital. Com conteúdos específicos, a cobertura do Super Bowl teve início duas semanas antes da decisão e rendeu números comemorados pela emissora. O portal ESPN.com.br registrou o dobro de visitantes únicos e também viu duplicar o número de vídeos visualizados durante a semana que antecedeu a partida. 

Foto: Reprodução / Twitter (@shakira)

O crescimento da audiência foi registrado também pela Claro, que fez uma análise de comportamento de consumo em parceria com a ESPN. A operadora disse que o acesso aos canais de esporte na sua plataforma foi quatro vezes maior do que em relação a um domingo sem uma transmissão de alta relevância. A

A empresa ainda registrou 52% de aumento no número de acessos ao streaming do aplicativo Now e 65% de aumento nos downloads do app, que exibiu o jogo. O curioso, porém, é que o pico de audiência da transmissão na ESPN foi registrado no início do tradicional show do intervalo, um dos momentos mais esperados do evento e que este ano trouxe as cantoras Shakira e Jennifer Lopez.


Notícia Super Bowl NFL ESPN Claro mídia transmissão audiência aplicativo Chiefs 49ers