arquivo

Emirates usa doação, Twitter e ESPN para ativações no US Open

por Redação - São Paulo (SP)
A
A
publicidade

A volta do calendário do tênis com o US Open fez a companhia aéra Emirates modificar as iniciativas de ativação do patrocínio. Em vez de ações no complexo americano, que pela primeira vez está sem a presença de público, a companhia aérea migrou as iniciativas para outros ambientes.

publicidade
publicidade

A Emirates criou a campanha #BackIntheGame, em que reforça a alegria da volta dos jogos. Agora, a empresa oferece experiências on-line para conectar os fãs aos jogos.

publicidade

"O US Open é um dos eventos esportivos mais importantes do mundo, estamos felizes com a volta. Estamos de volta ao jogo #BackInTheGame e dedicados a oferecer aos nossos clientes dos Estados Unidos a melhor experiência durante o voo ou onde eles estiverem assistindo ao torneio", disse Andrew Bunn, vice-presidente de vendas na América do Norte.

publicidade
publicidade
publicidade

Arthur Ashe Stadium tem recebido iniciativas da Emirates em meio à disputa do US Open - Foto: Twitter/Emirates  

publicidade
publicidade
publicidade

A primeira iniciativa, ainda na quadra central em que acontece o US Open, é o "Emirates Serves for Good". Após cada partida no Arthur Ashe Stadium, o jogador vencedor joga três bolas nos alvos com a marca da Emirates localizados nas arquibancadas superiores. Cada vez que o jogador atingir o alvo, US$ 1 mil dólares é doado à USTA Foundation, instituição de caridade da USTA.

publicidade

No universo digital, a companhia criou uma ação em parceria com o US Open. Ao término de cada partida, a entrevista coletiva do vencedor é compartilhada no canal do torneio no Twitter com as expressões #EmiratesFlyBetter e #BackIntheGame.

publicidade
publicidade

Por fim, a empresa tem usado a ESPN nos Estados Unidos para rodar uma campanha de TV. Parceira de transmissão do US Open, a emissora tem exibido durante os jogos do torneio o novo comercial da Emirates, "Emirates Crew Reassurance".

publicidade
publicidade

A escolha do torneio para as ativações não foi por acaso. Além de patrocinadora do US Open há nove anos, a Emirates retomou, neste mês de setembro, cinco voos para os Estados Unidos.

publicidade
publicidade

Clubes da LaLiga terão que encerrar acordo com casas de aposta até o fim da temporada