Após meio ano de intensa modificação em seu comando, a ESPN finalmente oficializou quem será seu novo diretor geral. Carlos Maluf, que está desde o ano 2000 na empresa, foi nomeado o head de esportes da Disney, em uma nova composição que a empresa passa a ter no mercado brasileiro.

Maluf será responsável por liderar a ESPN no país. Mas, em vez de se reportar diretamente à matriz da emissora de esportes nos Estados Unidos, como acontecia antes, ele passará a conduzir o canal reportando-se aos principais executivos da Disney na América Latina e no Brasil.

Foto: Divulgação / ESPN

A mudança no modelo de gestão da ESPN no país é o primeiro reflexo da fusão global entre Disney e Fox. Antes, a emissora tinha uma estrutura própria e que trabalhava diretamente com a ESPN nos Estados Unidos. A equipe diretiva da emissora era formada por um CEO e quatro vice-presidentes. Agora, esse modelo foi desfeito, e a ESPN Brasil passa a ter um gestor responsável, enquanto as vice-presidências foram suprimidas e incorporadas à estrutura da Disney.

Maluf, que era diretor de novos negócios e de aquisições da ESPN dentro da antiga estrutura, passa a chefiar a empresa comandando as equipes de Aquisição, Programação e Produção de Conteúdo (linear e digital) e trabalhando com as demais linhas de negócio relacionadas às vendas, como Afiliadas, Ad Sales, Digital, entre outras. Ele terá abaixo dele diretores de cada um desses núcleos, e não mais vice-presidentes, como acontecia antes da fusão entre Disney e Fox.


Notícia ESPN Carlos Maluf Disney Fox CEO diretor mercado mídia gestão estrutura