O Coritiba decidiu abrir suas redes sociais para ajudar na divulgação de pequenos negócios tocados por torcedores do time. O clube iniciou uma campanha em que o torcedor microempreendedor envia um e-mail com um vídeo divulgando o negócio que possui. A gravação, após ser aprovada, será publicada pelo Coritiba dentro de suas redes sociais de segunda a sexta-feira.

Com o nome de "Ajude um Torcedor", a campanha coloca alguns pré-requisitos para quem quiser enviar a promoção de seu negócio. É preciso gravar um vídeo com até 40 segundos de duração, falando sobre a empresa ou o produto à venda, qual a promoção que será feita e as formas de contato com o vendedor. Além disso, o Coritiba incentiva que seja feita alguma promoção especial com o sócio-torcedor do clube.

Foto: Divulgação / Coritiba

Atualmente, o clube paranaense conta com 175 mil seguidores no Instagram, 952 mil no Twitter e outros 435 mil no Facebook. As três plataformas já começaram a divulgar, nesta quarta-feira (13), o primeiro serviço de microempreendor, que foi um ateliê de doces finos de uma torcedora. Os negócios serão divulgados diariamente.

A primeira iniciativa de divulgação de trabalhos de microempreendedores partiu do goleiro Fernando Prass, que atualmente está no Ceará. Logo no começo das ações de isolamento social, ainda em março, Prass usou seu perfil no Instagram para divulgar pequenos comerciantes que vinham sendo afetados pela pandemia.

O Coritiba tem feito diversas ações de solidariedade durante esse período. O clube já cedeu a estrutura publicitária no entorno do Estádio Couto Pereira para promoção de ações sociais e fez uma campanha que arrecadou verba para doar 2.446 máscaras de proteção a pessoas que vivem em comunidades carentes.


Notícia