O Corinthians fechou, na última sexta-feira (3), uma parceria com a indústria brasileira farmoquímica Neobrax, que disponibilizou boxes antissépticos para melhorar a higienização nas sedes do clube e auxiliará na proteção contra a disseminação do coronavírus. Os equipamentos já estão disponíveis no CT Joaquim Grava e também no Parque São Jorge. Na Arena Corinthians, as máquinas serão instaladas nesta terça-feira (7). Ao todo, serão seis boxes, sendo dois em cada local.

LEIA MAIS: Nike lança camisa do Corinthians em ação com Neto na Band

Produzido pela Neobrax, o "Box Neutralizador" possui jatos de spray de clorexidina, substância aprovada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e também pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O processo não possui ação corrosiva, não é volátil, não possui odor e não irrita a pele e as mucosas. Além disso, não é preciso se enxaguar. A solução é considerada rápida, prática e eficiente aos usuários.

Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians 

"Essa é mais uma etapa da nossa parceria com o Corinthians, com a instalação de equipamentos com tecnologia de excelência, levando segurança e bem-estar para todos os funcionários e colaboradores do clube", disse Marcelo Frisoni, diretor da Neobrax.

De acordo com a empresa, os boxes não possuem contraindicação, a não ser pessoas que tenham hipersensibilidade à clorexidina. Os borrifadores são acionados do pescoço para baixo (altura mínima de 1,40m), de forma a não prejudicar olhos e ouvidos e sem precisar que a pessoa tire a máscara de proteção durante o processo (cerca de quatro segundos no boxe).


Notícia Pandemia coronavírus segurança tecnologia equipamento antisséptico marketing estratégia gestão Neobrax Corinthians