arquivo

Com Onda do Bem, WSL terá 1ª prova noturna do surfe no Brasil

por Redação - São Paulo (SP)
A
A

A World Surf League irá promover o torneio “Onda do Bem”, que reunirá 15 dos melhores surfistas brasileiros e dez celebridades para uma competição em formato inédito no país. O evento acontecerá no próximo dia 18 de setembro, sexta-feira, das 16h às 21h.

publicidade
publicidade
publicidade

A disputa numa praia do litoral brasileiro (o local não será revelado) faz parte do plano de volta das competições estabelecido pela WSL. Até novembro, torneios de exibição serão disputados em alguns países. O Brasil, que hoje detém alguns dos maiores nomes do circuito, receberá pela primeira vez uma competição noturna, num evento pensado para entreter o fã de surfe.

publicidade

Os torcedores poderão acompanhar a disputa ao vivo pelas plataformas da WSL. Além disso, a parte final da competição será transmitida pelo SporTV (a partir das 19 horas). Apresentado pela Oi e com os patrocínios de Jeep, Havaianas e Red Bull, que terão suas marcas expostas em painéis e balões iluminados na praia, a Onda do Bem acontecerá com rígidos protocolos de segurança, seguindo as práticas determinadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

publicidade
publicidade
publicidade

Onda do Bem terá formato inédito e transmissão por streaming e no Sportv - Foto: Divulgação

publicidade
publicidade
publicidade

Com formato único, o surfe noturno terá cenário repleto de cores e luzes neon, inclusive com as imagens das pranchas iluminadas com LED no mar. O “Onda do Bem” tem como objetivo levantar doações ao Projeto Ondas, focado no desenvolvimento de crianças em situação de vulnerabilidade. Os interessados poderão fazer doações por meio de um QR Code, exibido durante a transmissão.

publicidade
publicidade

A competição reunirá dez surfistas masculinos e cinco surfistas femininas. Juntos, estarão o músico Gabriel O Pensador; o ex-judoca Flavio Canto, o ator, apresentador e modelo Paulo Zulu; e os atores Klebber Toledo e Paulo Vilhena. Do lado feminino: as free surfers Marina Werneck e Alana Pacelli; a atriz Larissa Murai; a ex-surfista profissional e hoje apresentadora Erica Prado; além da atriz Danni Suzuki.

publicidade
publicidade

A ideia, com a competição reunindo surfistas profissionais e amadores, é criar um ambiente parecido ao All-Star Game da NBA, em que o evento alcança um número ainda maior de pessoas por unir o esporte com o entretenimento.

publicidade
publicidade
publicidade

“Com ‘Onda do Bem’ será possível matarmos as saudades do surfe até o retorno das competições, marcado para novembro. O esforço foi imenso para essa realização e graças à colaboração de nossos patrocinadores o projeto saiu do papel. Tudo isso para valorizar merecidamente o surfe e oferecer aos fãs uma experiência nunca antes vista, em um entretenimento ímpar, além de promover uma causa social, sobretudo diante dessa pandemia. Todos os cuidados, desde o local sigiloso até as várias medidas para seguir todos os protocolos de segurança, foram tomados para  garantir a saúde de participantes, funcionários e da comunidade local", afirma Ivan Martinho, CEO da WSL para a América Latina.

publicidade
publicidade

A competição será apresentada pela Oi, que é patrocinadora da principal disputa profissional que acontece no Brasil, o Oi Rio Pro, que neste ano acabou cancelado. A empresa usará o evento para reforçar a ligação com o esporte e o serviço oferecido ao consumidor.

publicidade
publicidade

"São momentos como esse que nossa internet deixou de ser invisível  e passou  a ser um bem necessário. E através dessa tecnologia podemos trabalhar melhor, nos comunicar e também nos divertir com o que mais gostamos. Acreditamos que o importante é que o esporte, mesmo nesse ambiente online, continua a promover encontros e a aproximar culturas. Com o "Onda do Bem" consolidamos ainda mais o surfe como esporte democrático e de massa, engajando os fãs a acompanharem as provas através das telas", diz Lívia Marquez, diretora de Comunicação e Mídia da Oi.

publicidade
publicidade

O "Onda do Bem" faz parte da WSL Countdown, uma série de torneios regionais de pré-temporada nos EUA, Austrália, França e Portugal, que traz o surfe competitivo aos fãs durante o atual período restrito de viagens internacionais. Antes da etapa no Brasil, a primeira competição aconteceu em 9 de agosto, nos Estados Unidos, reunindo alguns dos melhores surfistas do mundo no Surf Ranch, em Lemoore, Califórnia.

publicidade

Participaram da competição os brasileiros Adriano de Souza, Tatiana Weston-Webb e Filipe Toledo, que foi o campeão da disuputa na piscina de ondas perfeitas da WSL criada por Kelly Slater. A próxima etapa do Countdown será na Austrália.

publicidade
publicidade

Ingresso virtual vira maior fonte de receita para Comercial-SP