arquivo

Clubes de futebol miram ligas de basquete e vôlei

por Adalberto Leister Filho - São Paulo (SP)
A
A

Bruno Fiorotto, Nezinho e Wagner, reforços do Vasco da Gama

publicidade
publicidade

As ligas de basquete e vôlei entrarão na próxima temporada com um fortalecimento das equipes ligadas aos clubes de futebol, particularmente com a entrada dos grandes cariocas nas disputas. No NBB, o Flamengo terá a companhia do Vasco da Gama, vencedor da Liga Ouro, torneio de acesso à elite do basquete. Já o Fluminense também subiu de divisão e irá disputar a próxima temporada da Superliga feminina de vôlei.

publicidade
publicidade
publicidade

“O clube tem um orçamento direcionado para o time de vôlei. Mas buscamos patrocinadores. O Fluminense trabalha com um orçamento de R$ 4 milhões que aprovamos no Ministério do Esporte via lei de incentivo fiscal”, contou Marcone Barbosa, diretor de marketing do Fluminense, em entrevista para a Máquina do Esporte.

publicidade

Atualmente, o time de vôlei ainda procura patrocinadores. A equipe conta com material esportivo fornecido pela Dryworld e suplementação da Voxx, ambos parceiros do futebol. O elenco será apresentado em julho. Até lá, o clube das Laranjeiras espera atrair um patrocínio máster.

publicidade
publicidade
publicidade

Já o Vasco também está no mercado em busca de apoiadores para o retorno do clube ao basquete masculino. O clube possui tradição na modalidade, tendo conquistado o bicampeonato do antigo Campeonato Nacional em 2000 e 2001.

publicidade
publicidade

Ainda sem financiadores, o time de São Januário já usa verba própria para reforçar o elenco. Nesta segunda-feira (dia 20), anunciou a contratação de Nezinho (Franca), Bruno Fiorotto (Rio Claro) e Wagner (Mogi). “Estou muito feliz por poder fazer parte de um clube tão grande quanto o Vasco, com uma torcida apaixonada. Estar aqui, com esta história, é uma responsabilidade a mais. Porém, isso é muito bom”, afirmou Fiorotto.

publicidade
publicidade

Se quiser fazer frente ao Flamengo, atual tetracampeão do NBB, o time ainda terá que se reforçar mais. A equipe rubro-negra perdeu a Sky, seu patrocinador máster, mas espera acertar com outra empresa até o início do Estadual do Rio, em setembro, seu próximo compromisso.

publicidade
publicidade

“É muito saudável a volta do Vasco. Eleva para outro patamar o Estadual. E gera mais visibilidade aos patrocinadores, ao trazer a rivalidade dos campos para o basquete”, destaca Bruno Spindel, diretor de marketing do Flamengo, que diz estar em contato com várias empresas.

publicidade

“Já apresentamos projetos para diversas marcas. Estamos em algumas negociações. Não tenho dúvida de que a gente vai ter muito sucesso e trazer sucesso para quem vier”, afirmou o dirigente.

publicidade
publicidade
publicidade

Não bastasse essas equipes, a Superliga masculina já conta com hegemonia do Cruzeiro, atual tricampeão do torneio, que mantém parceria com a Sada. No NBB, além do Flamengo, o Vitória foi outro time de camisa a integrar o torneio.

publicidade

Na LBF (Liga de Basquete Feminino), dois clubes ligados ao futebol fizeram a final. O Sampaio Corrêa (MA) derrotou o Corinthians/Americana para conquistar um título inédito. Outros clubes de futebol também participaram, como Sport Recife e América-PE. 

publicidade
publicidade

Gabigol lança quadro para celebrar 'aniversário' da Libertadores