Como a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) havia adiantado na última terça-feira (7), a edição 2020 da Copa do Nordeste voltará a ser disputada no próximo dia 21 de julho. O torneio terá a capital baiana, Salvador, como sede única, mas não poderá contar com o principal estádio da cidade, a Arena Fonte Nova, para receber partidas.

LEIA MAIS: CBF divulga novo calendário com término em fevereiro de 2021

O motivo é o fato de o entorno do estádio estar abrigando instalações de um hospital de campanha para ajudar no combate à pandemia do coronavírus, como é o caso do Maracanã, no Rio de Janeiro. O veto foi feito pelo governo do estado e acatado pela entidade que comanda o futebol brasileiro.

Foto: Reprodução

Dessa forma, o torneio terá jogos sendo realizados no Barradão e em Pituaçu, em Salvador; Arena Cajueiro e Joia da Princesa, em Feira de Santana; no CT Praia do Forte, em Mata de São João, a 62km da capital; e ainda no Valfredão, estádio que fica na cidade de Riachão do Jacuípe, a 186km de Salvador.

Os primeiros jogos serão os da oitava e última rodada da primeira fase da competição. O reinício oficial será às 20h do dia 21 de julho, com Fortaleza x América-RN, no Barradão. A rodada será completada no dia seguinte (22), com todos os jogos ocorrendo às 20h. Sem chances de classificação, Frei Paulistano e Imperatriz, que se enfrentariam, decidiram não atuar. Com isso, o jogo foi cancelado.

Em jogo único, as quartas de finais serão disputadas no dia 25 de julho, com locais e horários ainda a serem definidos. As semifinais, também em jogo único, serão disputadas nos dias 28 e 29 de julho. Por último, a final da competição, esta sim em dois jogos, será disputada nos dias 1º e 4 de agosto.


Notícia Calendário pandemia coronavírus futebol Arena Fonte Nova Copa do Nordeste CBF retomada sede única Salvador