No final de abril, a Máquina do Esporte informou que o City Football Group (CFG) estava com negociações avançadas para comprar o Nancy, clube que disputa a Ligue 2 (segunda divisão francesa). As conversas esfriaram por conta da pandemia do coronavírus e, agora, com a situação um pouco melhor na França com relação à doença, parece que foram em outra direção.

De acordo com agência de notícias francesa L'Est-Eclair, a empresa de investimentos passou a mirar outro clube que também disputa a Ligue 2, o Troyes. A publicação não deixa claro se o CFG desistiu do Nancy, mas deixa claro que o grupo estaria disposto a comprar o Troyes, considerado mais barato no mercado. Enquanto as negociações com o Nancy giravam em torno de € 14 milhões, o Troyes poderia ser comprado por um valor entre € 7 milhões e € 10 milhões.

Foto: Reprodução / Twitter (@estac_officiel)

A L'Est-Eclair ainda acrescentou que o City Football Group já entrou em contato com o presidente do Troyes, Daniel Masoni, que teria se interessado pela proposta e iniciado as conversas para se chegar a um acordo bom para ambos os lados.

Caso o clube francês seja realmente comprado, será a décima aquisição para o portfólio do CFG, que já possui Manchester City (Inglaterra), Girona (Espanha), Lommel SK (Bélgica), New York City (EUA), Montevideo City Torque (Uruguai), Yokohama F. Marinos (Japão), Sichuan Jiuniu (China), Mumbai City (Índia) e Melbourne City (Austrália).


Notícia City Football Group Manchester City Troyes Nancy Ligue 2 compra mercado finanças estratégia gestão