A American Airlines foi anunciada, nesta terça-feira (6), como primeira patrocinadora do novo estádio que está sendo construído em Los Angeles e servirá como casa do Los Angeles Rams e dos Los Angeles Chargers na NFL. A companhia aérea terá os naming rights de uma área de 2,5 acres do complexo, que ficará aberta o ano todo para entretenimento e servirá como entrada principal para o estádio.

O acordo, que não inclui os naming rights do próprio estádio em si, foi assinado pelos próximos dez anos. Segundo a Bloomberg, a American Airlines pagará cerca de US$ 9 milhões por ano (US$ 90 milhões no total) pelos direitos exclusivos.

A empresa ainda será listada como parceira fundadora da arena para 72 mil espectadores que está sendo construída em Inglewood pelo proprietário do Rams, Stanley Kroenke, com um custo estimado em US$ 5,2 bilhões. Pelo contrato, a American Airlines também se torna companhia aérea oficial de Rams e Chargers.

Foto: Reprodução / Site (therams.com)

"Por décadas, Los Angeles tem sido um dos mercados mais importantes da América e desempenhou um papel importante na conexão do sul da Califórnia com o resto do mundo. É nossa missão dar aos nossos clientes a experiência de classe mundial que eles merecem, e estamos comprometidos em fazê-lo tanto nos aeroportos quanto dentro da comunidade", declarou Robert Isom, presidente da American Airlines.

"À medida que continuamos com o sonho do senhor Kroenke de construir o principal destino de esportes e entretenimento no Hollywood Park, estamos orgulhosos de fazer parceria com uma líder da indústria como a American Airlines. Estamos ambos fazendo investimentos em Los Angeles que proporcionarão aos fãs e clientes uma experiência elevada enquanto viajam, vivem, trabalham e jogam", afirmou Jason Gannon, diretor administrativo das novas instalações.

O novo estádio, que é a "cereja do bolo" dos trabalhos, deve ser inaugurado em 2020 e já foi escolhido para sediar o Super Bowl de 2022. Além dele e do espaço que passará a ser chamado de "American Airlines Plaza", o local ainda contará com escritórios, espaços comerciais e residenciais, e mais de 20 acres de parque.


Notícia American Airlines American Airlines Plaza NFL Los Angeles Rams Los Angeles Chargers naming rights patrocínio marketing mercado